FELIZ NATAL PRA MIM !

Natal é tempo de amar. Tempo de compartilhar. Tempo de doar. No Natal as pessoas tendem a ficar mais sensíveis com a dor do próximo. Natal é hora certa para fazer doações, para dar brinquedos velhos, roupas que não mais nos servem. Natal é tempo de desembagulhar a casa. Natal é tempo de lembrar-se dos menos afortunados…

E quando não é Natal? Se não for Natal, portanto, não é tempo de amor e de fraternidade, não é tempo de doações e de bondade. Se não for natal, não é tempo de fazer doações e nem de lembrar-se dos desafortunados.

Em geral, nesta época do ano, quando as pessoas ajudam as outras estão buscando fazer um bem mais para si mesmas do que para os outros. Muitas pessoas fazem suas doações não necessariamente porque amam o próximo, mas porque amam a si mesmas e desejam tirar da consciência toda a culpa de serem bem vividas, bem criadas e afortunadas. Necessitam aplacar a culpa de estarem mais “abençoadas” que muitos.

Dar ao necessitado uma única vez por ano um pouquinho do que está sobrando é uma maneira de dizer a si mesmo: “Veja, eu sou um cara legal!”. Uma paradoxal forma de amar a si mesmo, tirando do depósito o que não tem serventia ou tirando da conta corrente o que não fará falta alguma e compulsoriamente tirando das costas qualquer culpa por não ter sido altruísta nos outros onze meses do ano. Muitas vezes ajudamos não para que o outro tenha, mas para que nós tenhamos um sono tranqüilo, com a consciência limpa.

Evangelho é amar o próximo o ano todo e não amar a si mesmo no Natal, ofertando a doação que inconscientemente funciona como um aplacador da própria culpa.

O ser humano no geral é assim: ama a si mesmo e ama menos o outro. Assim é a maioria de nós, tanto que Jesus teve que ensinar que devemos amar o outro. Se amássemos o outro naturalmente, não haveria necessidade deste ensino de Jesus, já que, por definição, Deus só nos manda fazer aquilo que, de fato, não fazemos. O mandamento é uma forma de corrigir uma distorção comportamental.

Os Espíritas são mestres em ajudar o próximo. Eu acho isto sensacional. Não ajudam só no Natal, mas o fazem o ano todo. Quem dera todas as religiões assim o fizessem. Mas, no espiritismo, há também um paradoxo essencial que coincide com o que até  aqui estou dizendo, ou seja: Muitos Espíritas não ajudam o outro necessariamente porque amam o próximo, mas porque amam a si mesmos. Explico: como na doutrina Espírita para “evoluirmos” temos que ajudar o próximo, os Espíritas ajudam os outros (e são mestres na caridade) porque querem “evoluir”. Querem ser bons para merecerem uma vida melhor na próxima encarnação. Estão, na verdade, pensando em si mesmos, no próprio conforto espiritual e desenvolvimento metafísico. Neste caso, o gesto de caridade continua nobre, mas a motivação é egoísta e pobre, pois de fato, este Espírita está ajudando a si mesmo.

Não é assim que Jesus ensina. Jesus orienta a amar o próximo porque Deus o ama. Doar porque Deus nos doa. Fazer ao outro aquilo que queremos que nos façam, não por interesse ou para receber algo em troca ou para barganhar com Deus, ou para dizer a si mesmo que é melhor que os outros, nem para evoluir numa escala espiritual imaginária, nem para “merecer” de Deus alguma coisa ou por uma paradoxal arrogância humilde e muito menos para aplacar a culpa de ser um “abençoado”; mas Jesus ensina que devemos fazer ao outro aquilo que queremos que nos façam e não fazer ao outro o que não queremos receber. Jesus nos ensina a não pagarmos o mal com o mal, mas o mal como bem. Sermos bons simplesmente porque Deus é bom, sem esperar nada em troca. Isto é amor desinteressado.

O amor caridoso deve ser uma marca do nosso comportamento cotidiano. Um estilo de vida mais que um comportamento religioso; uma atitude que deve estar presente em nossas vidas não apenas no Natal, pois assim esta seria uma atitude hipócrita, de uma espiritualidade rasa, barata, interesseira e desprovida de amor.

Não é ruim que o amor caridoso esteja presente em dezembro, mas é melhor quando ele está presente em nossos corações de janeiro a novembro.

—————————————————

Agora, para descontrair, uma musiquinha de amor que fez muito sucesso este ano: “I´m Yours” de Jason Mraz, executada de uma maneira muito lindinha!!! Divirta-se com este japinha.
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=ErMWX–UJZ4]

——————————————

Neste Natal fomos dar presentes para necessitados. Sabemos que não resolvemos a questão social do Brasil e não alteramos a realidade de vida destas pessoas, mas uma coisa sabemos: Pobres são como nós, ou seja, também gostam de ganhar presentes e ficam muito alegres quando são surpreendidos e abençoados.
Abaixo uma foto numa comunidade chamada “Curral”.

10 comentários em “FELIZ NATAL PRA MIM !

  1. Pr. Luciano,
    Natal é o nascimento de Cristo. Ano Novo é o nascimento de uma nova esperança.
    Que o seu Natal seja brilhante de alegria, iluminado de amor.
    Feliz Natal e o seu Ano Novo cheio de esperança.

    Renata

  2. Prezado Luciano,

    recebo aqui em Montreal a sua linda mensagem!
    Tenho recebido ricas bençãos com a leitura de suas lindas mensagens no blog. O seu trabalho é maravilhoso!

    Que Deus o abençoe e a Simone e filhos neste momento especial do Natal e que o Ano Novo traga grandes realizações, saúde e paz para todos.

    Meu abraço carinhoso, silvia

  3. "TENHO PENSAMENOS QUE, SE PUDESSE REVELÁ-LOS E FAZE-LOS VIVER, ACRESCENTARIAM NOVA
    LUMINOSIDADE ÀS ESTRELAS, NOVA BELEZA AO MUNDO E MAIOR AMOR AO CORAÇÃO DOS HOMENS"

    Fernando Pessoa.

    FELIZ NATAL E UM EXCELENTE 2010!

    BEIJOS,

    VIVIANE E FAMILIA.

  4. Aprendi lendo a Bíblia que quando agimos com a razão, somos reprovados por Deus, se moisés fosse pensar com a razão nunca se abririam as águas do mar…se Davi raciocinasse com a razão, ele na verdade não tinha condições cabíveis de derrotar um gigante de 2,95 metros. Imagine se Daniel acreditasse na razão de que um casal de leões famintos não iriam mastigá-lo…ou o cego na cidade de Jericó, fosse racional no seu pedido??
    Em toda a Bíblia notamos que Deus nunca age na razão psico-social do homem.Ele ama as coisas diferente e absurdas em relação aos nossos pensamentos.
    É nisso que creio em relação à minha família, Deus ainda vai transformar o coração da minha mulher e vai trazé-la para minha casa de volta.
    Amo minha família e Deus o Abençõe por tudo o que o senhor pastor tem feito pela obra de Deus.
    Amo vc e sua família, e se precisar de minha grata ajuda pode solicitar.
    Um forte abraço aop senhor e aos irmãos amados da nossa church..

  5. Olá Pastor, sou Adriana tenho 31 anos, casada com o Carlos (meu lindo) sou cristã protestante, Arte-educadora e amo muito o que eu faço, moro em Santa Catarina …e blá blá blá rs…

    Há poucos dias descobri seu blog, e simplesmente amei as messagens, os videos, as imagens…
    Querido Pastor, compartilho de suas ideias e tenho repassado suas mensagens aos meus amigos, já li quase tudo, e todos os dias eu visualizo nos blogs que acompanho que o senhor tem postado pouco, por favor não pare de escrever… suas mensagens alimentam minha alma, me dão a sensação de estar muito bem acompanhada nessa vida… Sabe Pastor, mensagens cristãs com verdadeiro conteúdo são poucas, tem muita gente escrevendo besteira por aí. Fica registrado aqui meu pedido, a minha admiração e respeito por ti homem de Deus!
    Fica na PAZ!

    Adriana

  6. Querido Pr Maia. Graça e Paz. Agradeço de coração as suas orações e ministrações. Que sua recompensa venha (e virá) do SENHOR.

    Aproveito para desejar um Feliz Natal e um Ano Novo repleto das bênçãos do Pai.

    Jose Cunha

  7. Querido Pastor

    O que é preciso para amarmos mais?
    Para enxergarmos as necessidade alheia como se nossa fossem?
    Como se põe amor no coração frio de alguém?
    Como transformar indiferença em preocupação, sem hipocrisia?
    Só vejo uma possíbilidade para isso acontecer…um verdadeiro milagre operado em nós pelo Espírito Santo.

    Boas festas e boa viagem
    sentiremos saudades

    Alves, Simone, Glauber e Estefânia.

  8. Olá Pastor, muito bom esse texto, valeu a pena esperar uns dias..rs…
    Como sempre muito bem fundamentado, diretinho do céu. Pastor querido fica na Paz que Deus o abençoe sempre!

  9. Estou embarcando para o Rio agora às 19:30 e agradeço muito a sua amizade.
    Há amigos mais chegados que irmãos, e não tenha dúvidas que o Pr, Luciano é um desses amigos, e reconheço seu valor amigo, obrigado pela oração daquele domingo na qual Deus te usou e muito obriogado pelos seus conselhos frizando a Bíblia.
    Seguirei nosso Pài Celestial.
    Abraços e Deus te dê seus sonhos e os de sua família.

  10. JANETE DE ARIQUEMES/RO. OI, SÓ AGORA PUDE LER, ESTAVA BLOQUEADA, DESCULPE, QUE DEUS ABENÇOE A NÓS TODOS E QUE ESTE ANO QUE COMEÇA SEJA PLENO E QUE TODOS OS NOSSOS DESEJOS REALMENTE SE REALIZE. AMÉM! BEIJOS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website