Você fica triste com papo de crente?

 

Nestas férias eu e Simone fomos curtir as limpas praias de Florianópolis. No avião sentamos junto a uma jovem executiva de sucesso, muito faladeira e simpática. Uma hora de vôo e já éramos todos amigos de infância. Conversávamos de tudo: negócios, família, política, futuro… Até uma pequena confidência com relação a sua vida conjugal rolou. Lá para as tantas, não me lembro qual era o contexto, eu contei que era pastor…

Meu “deus”… Que reação mais inesperada ela teve:
“VOCÊ PASTOOOOR? Como assim pastor?! Você está brincando não é? Claro que está brincando. Pois você é um cara legal! Você é simpático, tem um ótimo papo, é inteligente e culto. Como pastor? Você é um cara bom, de deus! Não pode ser mesmo um pastor, certo?”

Aquela reação mostra bem a cara da Igreja Evangélica no Brasil. Cara esta que os pastores e os crentes deram a ela. Um rosto forjado por comportamentos. Uma cara auto-maquiada sem espelho… Maquiagem mal-feita. Uma cara feia!

Para aquela nova amiga, pastor é uma coisa extremamente ruim, pois como ela disse, pastores são uns caras que roubam dinheiro dos pobres, que pedem dízimos e que vivem do estelionato da fé alheia. Pastor é aquele cara que diz que não pode isto, não pode aquilo, não pode comer, não pode beber, não pode viver… Só pode morrer, pois o resto é pecado… Sim, para muitos, esta é a cara do crente. Esta cara de crente foi maquiada pelos próprios crentes por meio de um discurso anacrônico e antibíblico.

O discurso dos “crentes” tem sido incoerentemente herético!

Muitos crentes só pregam pecado.
Tudo é pecado.
Ser uma mulher gostosa é pecado.
Olhá-la é pecado. (Jesus nunca disse que é pecado admirar coisas belas, disse que é pecado olhar “com intenção impura”, que é bem diferente… Como alguns religiosos possuem os olhos maus e não conseguem olhar com pureza, pensam que todos são impuros como eles e acabam por proibir a admiração das coisas belas que Deus criou).
“Todas as coisas são puras para os puros; todavia, para os impuros… nada é puro. Porque tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas.” Tito 1:15

Ter idéias próprias é pecado.
Contestar é diabólico!
Cuidado com o pecado! Deus castiga!

Muita gente acaba por ficar aborrecido com papo de crente.

Por conta de uma religião doente, inúmeros neo-ateístas os são, não porque queiram brigar com Deus, a quem não conhecem e não acreditam, mas porque querem brigar com os que se dizem representantes deste Deus. Neo-ateístas querem é criar encrenca com a religião cristã e com seus representantes, os crentes, pois estes muitas vezes conseguem aborrecer as pessoas com seu papo muito estranho e, por vezes, hipócrita.

Ao contrário da pregação religiosa sobre pecado e sobre o que não se pode, o discurso do Evangelho de Jesus é sobre o perdão e sobre o que se deve: Amar as pessoas pecadoras.

O discurso central do Evangelho é que todos estão perdoados por Cristo. O discurso é sobre perdão de graça. Sobre coisa boa, vida eterna, paz com o próximo, paz consigo, amor. Sobre não precisar fugir de Deus por medo de punição, mas sobre aproximar-se de Deus, pois Ele já perdoou a todos pois Ele é legal.
“Ele levou sobre sí todas as nossas iniquidades”.
“Nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus”.

Todos quantos quiserem estão perdoados. A mensagem, portanto, que os representantes de Deus deveriam anunciar tinha que ser uma mensagem que não se concentrasse em “usos e costumes”, comportamentos culturais, comida, bebida, cabelo ou roupa. Mas não é o que acontece normalmente. Temos assistido grupos religiosos que, com a Bíblia em punho, pregam heresias:
Que Deus abençoa só a quem dá dízimo.
Que Deus não abençoa quem não dá dinheiro pra Igreja.
Que a salvação vem pelo bom comportamento e não pela Graça de Deus.
Que cristão não pode ser intelectualmente independente.
Dentre outras heresias.

Tem uma blogueira que é desertora da fé evangélica e cheia de fé em si mesmo. Ela diz ser atéia, se intitula “heresia loira” e se diverte muito com os “crentes” que, em defesa da fé evangélica, infestam seu blog com comentários hediondos e muitas visitas (conseqüentemente, rendendo também anúncios no blog, convites e grana para ela). Percebo no arcabouço do discurso desta blogueira que seu dito ateísmo não é conseqüência, necessariamente, de algum problema com Deus, mas sim, com os crentes. Por conta da má-criação dos filhos, ela bate é no Pai, num processo Freudiano de transferência. Aliás, no geral, os neo-ateus defendem sua “fé” por meio da falta de fé que eles têm nos cristãos. Irônico.

Incrível como algumas pessoas que dizem seguir Jesus falam pouco de perdão, de coisas boas, de felicidade por meio da certeza da paz com Deus. Geralmente crentes não são vistos como pessoas bacanas, que amam a todos, que amam os inimigos, que procuram não ter inimigos.

Incrível como o simpático e psico-emocional saudável discurso do “perdão gratuito de todos os pecados” foi substituído pelo doentia e culposo discurso do “tudo é pecado”.
“Vinde a mim vós que estais cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei”.
Acho incrível como religiosos não oferecem o alívio que Jesus oferece…

Que fique claro: pecado existe!

Ninguém em sã consciência discordaria que meter uma bala na cara de um motorista para ficar com sua carteira é algo errado, portanto, não é preciso ficar batendo na tecla que isto é pecado, mesmo os dito ateus sabem que isto não é certo. Certo?

Pra que reforçar o que todos instintivamente já sabem? Até a blogueira auto-intitulada Heresia Loira não absolveria sua melhor amiga se a apanhasse hoje na cama com o seu namorado. Ela sabe o que é errado! Ela sabe o que magoa! Ela sabe o que fere! Pra que, portanto, insistir em discursar sobre o pecado? O que ela precisa saber é que Jesus perdoa gratuitamente todos os erros e os pecados arrependidos e confessados. Ponto!

O discurso que o mundo inconscientemente quer ouvir é a pregação do perdão:
Sim, você errou, mas há uma nova chance para você! Não se sinta eternamente culpado. As pessoas podem não te perdoar pelos seus erros ou por você ser uma pessoa tão babaca. Você pode não se perdoar. Mas Deus é aceitação. Deus é um abraço amigo. Deus é perdão! Deus é bom.

Este discurso, tão real e libertador, precisa ser resgatado nos púlpitos e replicado na pregação cotidiana.

Quando me lembro da reação da nossa colega de viagem no avião quando soube que eu era pastor, fica claro que muitos cristãos estão voando fora da rota e a Igreja continuará fabricando ex-cristãos!

Qual Evangelho você tem pregado?

“Meus filhinhos, escrevo isso a vocês para que não pequem. Porém, se alguém pecar, temos Jesus Cristo, que faz o que é correto; ele nos defende diante do Pai. É por meio do próprio Jesus Cristo que os nossos erros e pecados são perdoados. E não somente os nossos, mas também os pecados do mundo inteiro.”

Primeira carta de João, Capítulo 2

 

TODA A RELIGIÃO É ESSENCIALMENTE HIPÓCRITA.
QUER SABER PORQUE?
DESCUBRA CLICANDO NESTE LINK:

____________
Assim é a vida para muitos!
Neste filme publicitário da DERMABLEND, famosa marca de maquiagens e corretivos, usa o não menos famoso modelo Rick Genest, conhecido como Zombie Boy, para promover seu mais novo e – segundo o fabricante – ambitível corretivo. Veja o filme e descubra porque o modelo tem este apelido.
Hipocrisia é o que é uma máscara ou maquiagem com a qual tentamos esconder nossa verdadeira identidade ou intenções, como ilustra o comercial.

66 comentários em “Você fica triste com papo de crente?

  1. E aí Ju,

    Fico feliz que tenha gostado.

    Sucesso para você e um forte abraço!

    Nos vemos "pelas ondas da net".

    Beijo,

    Maia

  2. Me afastei da religião e de tudo que diz respeito a ela justamente por causa do "papo de crente".
    Pelo menos os que conheço pregam um Deus malvado e vingativo,um Deus do não.
    Não me serve uma religião que me proiba de jogar futebol com os amigos ou curtir uma piscina por exemplo.
    Conheço a Juliana e ela é uma ungida,é uma atéia de araque heheeh.

    • Mas você sabe que isso não é verdade. A bíblia não proíbe diversão. Ela proíbe certos tipos de diversão como a promiscuidade. Você tem que olhar para Cristo e não para os outros. Existem igrejas sérias que não ficam pregando esse tipo de absurdo e que você pode frequentar para ouvir a palavra. Agora, a salvação é pessoal. Você tem que procurar conhecer a bíblia de verdade, analisar se o que o pastor está pregando está realmente na bíblia.
      Ninguém merece a salvação pois todos temos uma dívida que não podemos pagar, que é a dívida do pecado. Acontece que por não sermos capazes de seguir as leis de Deus contraímos essas dívidas que não podemos pagar. Agora o problema não está na existência das leis pois elas são necessárias. Se não existisse a lei que nos proíbe de roubar, viveríamos roubando e praticando esses atos ruins que só nos fazem mal ou aos nossos próximos. Então o que Deus fez? Ele enviou o seu filho para morrer por nós pois Ele era a única opção já que era perfeito, sem pecados ou dívidas. Afinal alguém que tem suas próprias dívidas não é capaz de pagar a dívida dos outros. E o preço dessa dívida é a morte, por isso Ele teve que morrer. Como a bíblia diz: o salário do pecado é a morte(Romanos 6:23). Então para obtermos a salvação é necessário que aceitemos o pagamento que Jesus fez de nossas dívidas. Se você for ver é exatamente o que acontece nas leis humanas também. Existe algo chamado remissão das dívidas que é o perdão da dívida concedido pelo credor que deve ser aceito pelo devedor. Se o devedor não aceitar esse perdão, ele continua com sua dívida. E como aceitamos o perdão das nossas dívidas? É quando confessamos que precisamos de Jesus para remir os nossos pecados e a partir do momento que aceitamos Jesus, todos os nossos pecados do passado,presente e futuro são perdoados. Devemos então continuar numa vida de pecados? Não. Uma coisa é pecar e depois se arrepender e não pecar mais outra é vivar no pecado. Deus nos libertou do pecado, das nossas dívidas para que não sejamos mais escravos delas.
      “O Apóstolo Paulo respondeu a uma pergunta bem parecida em Romanos 6:1-2: “Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que seja a graça mais abundante? De modo nenhum! Como viveremos ainda no pecado, nós os que para ele morremos?” A ideia de que uma pessoa pudesse confiar em Jesus para a sua salvação e então continuar vivendo da mesma forma que antes é inconcebível. Aqueles que creem em Cristo são novas criaturas (2 Coríntios 5:17). O Espírito Santo nos transforma e nos leva a deixar de produzir as obras da carne (Gálatas 5:19-21) para então começarmos a produzir o fruto do Espírito (Gálatas 5:22-23). A vida Cristã é uma vida transformada.
      Então, somos salvos pela graça, através da nossa fé. Não por merecimento.
      Mas por isso vamos ter fé e não praticarmos as obras? Não, pois a fé sem obras é morta(Tiago 2:17).
      Ou seja, temos que seguir Jesus, aquele que nos salva e nos perdoa. Mas nem tudo é pecado como aguns dizem. A maioria das igrejas que frequentei não pregavam o evangelho dessa forma mas eu sei que existem pessoas que fazem isso. Mas o compromisso é com Deus e não com os irmãos. Eles darão conta a Deus do que fizerem.

    • Mas você sabe que isso não é verdade. A bíblia não proíbe diversão. Ela proíbe certos tipos de diversão como a promiscuidade. Você tem que olhar para Cristo e não para os outros. Existem igrejas sérias que não ficam pregando esse tipo de absurdo e que você pode frequentar para ouvir a palavra. Agora, a salvação é pessoal. Você tem que procurar conhecer a bíblia de verdade, analisar se o que o pastor está pregando está realmente na bíblia.
      Ninguém merece a salvação pois todos temos uma dívida que não podemos pagar, que é a dívida do pecado. Acontece que por não sermos capazes de seguir as leis de Deus contraímos essas dívidas que não podemos pagar. Agora o problema não está na existência das leis pois elas são necessárias. Se não existisse a lei que nos proíbe de roubar, viveríamos roubando e praticando esses atos ruins que só nos fazem mal ou aos nossos próximos. Então o que Deus fez? Ele enviou o seu filho para morrer por nós pois Ele era a única opção já que era perfeito, sem pecados ou dívidas. Afinal alguém que tem suas próprias dívidas não é capaz de pagar a dívida dos outros. E o preço dessa dívida é a morte, por isso Ele teve que morrer. Como a bíblia diz: o salário do pecado é a morte(Romanos 6:23). Então para obtermos a salvação é necessário que aceitemos o pagamento que Jesus fez de nossas dívidas. Se você for ver é exatamente o que acontece nas leis humanas também. Existe algo chamado remissão das dívidas que é o perdão da dívida concedido pelo credor que deve ser aceito pelo devedor. Se o devedor não aceitar esse perdão, ele continua com sua dívida. E como aceitamos o perdão das nossas dívidas? É quando confessamos que precisamos de Jesus para remir os nossos pecados e a partir do momento que aceitamos Jesus, todos os nossos pecados do passado,presente e futuro são perdoados. Devemos então continuar numa vida de pecados? Não. Uma coisa é pecar e depois se arrepender e não pecar mais outra é vivar no pecado. Deus nos libertou do pecado, das nossas dívidas para que não sejamos mais escravos delas.
      “O Apóstolo Paulo respondeu a uma pergunta bem parecida em Romanos 6:1-2: “Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que seja a graça mais abundante? De modo nenhum! Como viveremos ainda no pecado, nós os que para ele morremos?” A ideia de que uma pessoa pudesse confiar em Jesus para a sua salvação e então continuar vivendo da mesma forma que antes é inconcebível. Aqueles que creem em Cristo são novas criaturas (2 Coríntios 5:17). O Espírito Santo nos transforma e nos leva a deixar de produzir as obras da carne (Gálatas 5:19-21) para então começarmos a produzir o fruto do Espírito (Gálatas 5:22-23). A vida Cristã é uma vida transformada.
      Então, somos salvos pela graça, através da nossa fé. Não por merecimento.
      Mas por isso vamos ter fé e não praticarmos as obras? Não, pois a fé sem obras é morta(Tiago 2:17).
      Ou seja, temos que seguir Jesus, aquele que nos salva e nos perdoa. Mas nem tudo é pecado como alguns dizem. A maioria das igrejas que frequentei não pregavam o evangelho dessa forma mas eu sei que existem pessoas que fazem isso. Mas o compromisso é com Deus e não com os irmãos. Eles darão conta a Deus do que fizerem.

  3. Jesus é tão maneiro né… os crentes que estragam. Só falam/fazem merda… Tem um monte por ae que só vivem de discursos, mas na pratica mesmo estão bem longe do verdadeiro evangelho. E quem leva a má fama é Jesus ¬¬

  4. Fala Ricardo,

    Vc diz: "me afastei da religião e de tudo que diz respeito a ela justamente por causa do "papo de crente". Pelo menos os que conheço pregam um Deus malvado e vingativo,um Deus do não."

    Cara, excelente decisão a sua. Afaste-se mesmo de todas as religiões que pregam um Deus malvado que exige sacrifícios. Religiões deste tipo e religiosos deste naipe são coisas do diabo ou criação de masoquistas. Vc tomou a grande e sábia decisão de fugir destas religiões.

    Concordo também quando vc diz que "Não me serve uma religião que me proiba de jogar futebol com os amigos ou curtir uma piscina por exemplo."… Cara, vc está certíssimo.
    Quem estas pessoas pensam que são? Representantes de Deus??? Não mesmo!

    Me diverti quando vc disse que "a Juliana e ela é uma ungida,é uma atéia de araque"
    Sim, eu concordo com vc e foi o que eu também escrevi dela. Ela não gosta é dos crentes, e numa lógica irracional, diz que Deus não existe…. Hahahah!

    Cara, eu não gosto de chuca, portanto águas não existe??? Que lógica é esta?

    Eu não gosto de políticos, portanto, Brasília não existe???? hahahah!

    Não se pode confundir Deus com "pessoas que 'dizem' ser representantes dele".

    aSSIM COIMO VOCÊ, EU TAMBÉM NÃO GOSTO DE RELIGIÕES, POIS TODA RELIGIÃO É HIPÓCRITA, COMO VC PODE CONFERIR NESTE TEXTO:
    http://reverendomaia.blogspot.com/2009/03/religiao-e-hipocrisia-atributos-humanos.html

    Abraço mano!

    E FUJA DA RELIGIOSIDADE, ASSIM COMO EU FAÇO!

    Maia

  5. Gostei muito deste post, pois aponta bem os erros da igreja, o que digo é que cada vez mais a religiosidade irá criar esta barreira com o dito 'mundo'… cada vez mais a igreja se afasta de pregar a verdadeira palavra de Deus, cada vez mais o mundo oferece tudo para as pessoas menos o que Deus têm pra eles … AMOR .. o verdadeiro AMOR, mas que infelizmente algumas igrejas cobram por este amor.

    Eu vejo esse tipo de reação que vc postou da sua nova amiga na minha vida, sou filho de pastora e todo tatuado, alargadores e tudo mais, na universidade ou pessoas que me recentemente me são aparesentadas ficam meio estagnadas quando digo que minha mãe é pastora, dizem o mesmo que falaram pra você "como? vc é super cabeça aberta, super divertido, todo rabiscado… o que sua família fala disto" …. é nessa hora que tenho uma chance de falar a verdade, que eles devem acreditar em DEUS e buscar a DEUS…e não igrejas ou religiões.

    Na universidade eu vejo muito qndo sento para conversar as pessoas dizendo "vou abrir uma igreja, assim eu fico rico" .. disso para pior, é a imagem que a igreja, pastores e corja acabaram criando, uma igreja materialista, uma igreja que você DÁ nao de coração ou pq as escrituras dizem mas DÁ porque vai GANHAR MAIS, quase que um troca, inversão de valores.

    Eu não sou santo, não sou um poço de inspiração para as pessoas, mas muitos param mais pra ouvir o que eu digo do que pastores em pulpito.

    Pra quem acreditam em Deus e no regresso dele, e principalmente na palara, a parada está lá escrito, preto no branco "E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará." Mateus 24:12]

    Pra mim o fim é proximo… na verdade eu torço pra que o mund oe tudo acabe logo, pq isto aqui está virando um grande porre !!! =D

  6. Cyrus,

    Muito boa a sua participação!

    Espero que um dia a horrorosa maquiagem que muitos religiosos pintaram na cara de Jesus possa ser limpa por meio de uma espiritulidade cristã baseada exclusivamente no discurso de Jesus, mas não baseada em tradições culturais humanas e outras sociopatias.

    Não desista de ser quem você é, pois Deus reconciliou com Ele TODAS as pessoas por meio de Cristo. Ele não reconciliou apenas os que se julgam bons, pois os bons se bastam em suas pseudo-bondades.

    Viva em paz!

    Maia

  7. Infelizmente, o tipo de religião hoje é exatamente o que está destruindo a imagem das igrejas como denominações religiosas. Uma verdadeira prática abominável o que faz com que pastores são sinônimos de espertalhões e mercadores de almas. O divisionismo, a comercialização da fé, a ausência de uma liturgia responsáv el e verdadeiramente espiritual e a falta coerente de uma exegese bíblica honesta e sincera, está fazendo cumprir o que o Apocalípse define como Besta. De modo geral, a Igreja (Denominações religiosas) estao vivendo uma prática de abominação, on de os mercadores estão ficando ricos com as vendas dos seus produtos. Pastor não é conhecido como PASTORES do passado, mas como espertalhões que ganham muito dinheiro. Isto é o que se ouve por este Brasil afora. Um grande abraço meu irmão e parabéns pelo seu testemunho.

    Edeir Lobo

  8. Luciano!infelizmente ainda no nosso país existe pessoas preconceituosas e sem conhecimento de nada,
    não lê, se informa e acredita no que ouve. Sou católica praticante e estou no 2º ano de teologia, não sou e nem quero ser religiosa
    mas, queria conhecer a fundo Deus!e confesso a vc que esta sendo bom demais!não tenho preconceito dos evangélicos, pelo contrario
    da mesma forma temos padres também que só vivem pelo dízimo alto e faz parte!somos humanos, quero dizer é que em todas as religiões temos as pessoas do lado bom e outras do lado ruim. E se têm tanto preconceito é porque não conhece realmente Jesus pro damente!nem sabe o que é Deus!e por isso discriminam e falam até o que não sabem!no fundo…no fundo tem uma grande inveja porque
    vc é pastor e busca Deus a todos momentos, e elas são vazias não buscam nada!
    È um prazer ter vc pastor no círculo de amizades!QUE DEUS TE ABENÇÕE DANDO SABEDORIA E TENHA UMA BOA SEMANA E UM LINDO DIA!!!

    Um grande abraço e um beijão!!!!
    Bel

  9. Vc é muuuito FOFO!!! Hehehe!
    Bjocas
    Sds

    Bjos na Moni e "crianças"….

  10. Adorei Lu. Como sempre, sua objetividade é alimento para alma. Beijos

  11. caro pastor, não fico trisTE PELAS PREGAÇÕES E SIM PELO PRECONCEITO QUE UNS TEM PELOS OUTROS POIS SOMOS TODOS FILHOS DO MESMO DEUS

    "Sim, você errou, mas há uma nova chance para você! Não se sinta eternamente culpado. As pessoas podem não te perdoar pelos seus erros ou por você ser uma pessoa tão babaca. Você pode não se perdoar. Mas Deus é aceitação. Deus é um abraço amigo. Deus é perdão! Deus é bom."

    AMEI ESTE RELATO
    ABRAÇOS

  12. Acho muito interessante este texto, afinal muita gente faz esta confusão.

    Eu mesmo custei para entender que o Deus de que Jesus falou é basicamente amor, e que nós não temos a dimensão deste amor.

    Adorei o Café com Deus, e acho que todos deveriam conhecer.

    Também não gosto de papo de crente, e tem uns que são realmente insuportáveis e parecem que ainda vivem na idade média.
    Álcool , sexo ,tv, Xuxa, são coisas do diabo. Cabelo grande pra homem não pode , cabelo curto pra mulher não pode, etc, etc.

  13. é por isso que gosto de flar com vc e simone.. gente de cabeça a aberta .. !!
    me orgulho ser sua ovelha..
    bjssss

  14. Pastor,

    Foi muito bom receber seu testemunho e lhe digo que quando entre uma conversa e outra conto que minha mãe se batizou na Igreja Evangélica a supresa é a mesma.
    Exemplo: " NOssa sua mãe, uma mulher tão bem informada, inteligente, bonita, …não pode ser crente".

    Confesso que eu mesmo tenho certo medo de continuar frequentar a Igreja por certos medos, sendo que foi 'Nesse Bendito' lugar onde EU posso dizer que recebi o Espiríto Santo, tive e sempre tenho comunhão com Jesus Cristo quando vou.

    Acabo por me afastar às vezes com medo do que os 'seres humanos' por trás da palavra de Cristo poderão falar ou fazer para me criticar.
    Concordo com você nas leis éticas e no respeito que moldam a sociedade, ou pelos menos deveriam. Por muitas vezes não é preciso dizer ' que é pecado ou não', simplesmente já sabemos que não é o certo a fazer, mas algumas pessoas como você mesmo disse acabam por julgar a palavra do Pai por meio dos seus muitos 'mal apresentados' representantes.

    Ser de Deus é ser legal.
    Ser de Cristo é ser vivo, ser livre e ser protegido.

    Eu me junto à você para a mudança da 'cara' da Igreja Evangélica.

    Grata mais uma vez por compartilhar comigo e com certeza muitos outros a verdade que vivenciou.

    Um ótimo final de semana para você e sua família.

    Maria Quitéria.

  15. Amado Pastor Luciano,
    Adorei o texto, aliás esta ferramenta da Internet, o BLOG é realmente muito interessante e proveitoso, haja visto os comentários postados. Parabéns!
    Este fim de semana estaremos em Brasilia e queremos estar com os irmãos no domingo.
    abraços na familia
    no amor de Cristo Jesus
    Rosângela/Alexandre

  16. Pastor, parabéns pelo texto maravilhoso!
    Que Jesus continue te usando para alcançar vidas!
    Aproveito para compartilhar um testemunho: meu marido se converteu e foi batizado, está ativo na igreja e para glória do Senhor nosso casamento tem sido restaurado diariamente…
    Abraço e obrigada por suas orações!

    Juliana

  17. Antes de nada, obrigado por esta msg. Normalmente, "msg de crente" eu nem leio, apago logo. Mas, apesar de conter uma profunda verdade, está bem escrita, com humor e inteligência. Desculpa a pergunta, mas vc é de qual denominaçao e de qual cidade?

    Em Cristo,

    Néviton Barros

  18. Graça e paz amado irmão, reverendo Maia.

    Concordo com seu discurso, é verdade que há estes dois grupos de pessoas, digo, os "chatos" que falam sempre em pecado e os "ateus" que se cansam de ouvir sobre pecado, muitos destes pelo fato de desejarem ouvir somente as partes agradáveis da Bíblia, como quem adota a chamada "caixinha de promessas", mas ignora o compromisso com a santidade. penso que seja impossível um verdadeiro servo ou serva não falar de pecado, pois a Bíblia, de Genesis a Apocalipse fala de pecado… mas como dizia, concordo com seu discurso, é um ótimo "papo de crente", … entretanto, meu amado irmão é tempo de pregar a Palavra, a tempio e fora do tempo, edmoestando, repreendendo, exortando, com muita paciência, pois já estamos no tempo em que muitos não suportam a Palavra, mas tem grande desejo de ouvir coisas agradáveis, por causa disso ajuntarão para si mestres segundo seus próprios desejos, e não só desviarão os ouvidos da verdade, como se voltarão às fábulas (2 Timóteo 4.2-4). Continuemos a pregar a Palavra.

    Foi bom seu texto para me despertar a crítica.

    Um abraço

    Seu irmão João Coimbra
    Belém-Pará

  19. Pastor…

    Tenho observado com muita frequencia a realidade do texto (li o blog).

    Concordo em gênero, número e grau.

    Eu mesmo já vivi situação semelhate quando um colega de classe no 2º grau comentou: "Cara! Ser crente que nem você é legal! Você não é um alienígena! Tudo quanto é crente que eu conheço parece um monte de aliens! Não vivem, eles vegetam!"

    Já se passaram cerca de 20 anos desse fato. Entretanto, parece que a coisa não andou… Os crentes continuam impondo a "cultura alien" esquecendo-se da oração de Jesus: "… não peço que os tire do mundo…".

    Em maio de 2005 participei do chamado "Encontro com Deus" (o pastor da minha igreja era um ferrenho divulgador do G12). No pós-encontro, escutei a seguinte frase de um dos palestrantes: "Agora que vocês conheceram a 'Visão', afastem-se daquelas pessoas que não estao na 'Visão'. Vocês estão num patamar acima. Essas pessoas só vão querer te derrubar e te trazer pra baixo, te tirar da 'Visão'!"

    Escuto, cada vez com mais frequencia, crentes dizendo que não devemos ter contato com não-crentes. Ora… Como evangelizar se não travar contato?

    Uma das coisas que mais me incomoda no meio cristão é a mania de usar um dialeto que as pessoas "de fora" não conhecem. Fica parecendo realmente que estão procurando "se mostar diferentes".

    Há alguns anos, visitando a família da minha ex-esposa, conversando na sala da casa, lá no Piauí, estávamos eu, minha então esposa, sua mãe e sua irmã. Eu, metodista de nascença, ela de origem assembleiana, mas então metodista, a mãe e a irmã assembleianas "roxas". Conversávamos sobre igreja e coisas de igreja. A mãe e a irmã diziam que não conseguiam aceitar uma pessoa como crente se ela se arrumasse, se usasse jóias, maquiagem, se cortasse o cabelo, etc… Durante a conversa, perdi a conta de quantas vezes ouvi palavrões falados corriqueiramente, como se fossem palavras das mais comuns do dia

    Marcos Luiz Rezende de Melo

  20. Engraçado, pois hoje não vejo quase nenhuma igreja pregar sobre pecado, muito pelo contrario; as igrejas pregam somente sobre finanças e bençãos.
    A igreja esquece de pregar sobre arrependimento, confissão de pecado, morte e ressureição de Cristo, tudo isso é negligenciado pela igreja hoje em dia.

    OBS: Hoje em dia não se pode mais falar sobre pecado pelo fato das pessoas escandalizarem. Mas pecado é pecado e tem que ser confrontado, e se for preciso Deus faz as mesmas coisas que eram feitas no antigo testamento para demonstrar que o povo esta pecando como: Fazer o profeta casar com uma prostituta; andar pelado por algum tempo; clamar no deserto, etc.

    Creio que a igreja deve pregar sobre pecado, mas com sabedoria, pois muitos não pregam sobre pecado por temer perder seus membros (Quantidade) Jesus disse que até da pedra faz filhos de abraao….

    johnny stuart

  21. Queridos a paz do Senhor Jesus.
    Não sei onde é a região onde existe esse evangélio ultrapassado ao qual vocês citam nesse artigo, hoje não funciona desta maneira muito pelo contrário, existe grandes ministérios que não fazem outra coisa se não ajudar o próximo, fazem obras sociais, tiram pessoas do abismo que vivem e inserem na sociedade com dignidade, não seria assim se não fosse pregado o amor de Cristo, acho perca de tempo em criticar os evangélicos desta maneira, manchando a imagem de uma fé que não trata de outra coisa há não ser o amor de Jesus, vocês criticando os evangélicos estão sim criticando a Cristo, pois somos o seu povo somos irmãos e temos que olhar as coisas boas e não fazer propaganda de uma minoria que faz vergonha ao evangélio.
    Querido pastor viva a paz que você vai ganhar muito mais.
    Jesus o abençoe.

  22. Fantástica a sua reflexao. Eu acrescentaria a ela a mania de criticar a religiao dos outros, principalmente dos católicos, que na pior das hipoteses sao o berco do cristianismo. Eu sou filho de pai catolico e mae evangelica. Frequentei a igreja Presbiteriana quando crianca, principalmente a escola dominical, e gostava muito. Hoje tenho pavor de igreja evangelica. Reconheco que tenho muito preconceito por experiencias semelhantes as que vc descreve e outras de intolerancia religiosa. Parabens, os verdadeiros cristaos agradecem.

  23. Querido Pastor
    Por amor ao debate me senti tentado a tecer um pequeno comentário ao seu artigo tão inteligente como todos que o senhor escreve..
    Em primeiro lugar, as heresias e abominaçóes não estão somente no "papo de crente", estão, principalmente, no comportamento dentro do corpo de Cristo, ou seja, no seio da Igreja. É claro que Deus NÃO CASTIGA QUEM NÃO DÁ O DÍZIMO – prá ser sincero eu nem concordo com a insistência em dar um ar de santidade ao ato em si, apenas respeito a imposição como forma de controlar as despesas da igreja- em contrapartida, quem castiga é, quase sempre, o pastor sob a égide do sistema que se instalou dentro das igrejas, muitas vezes camuflado pelo papo de que está tudo bem. Se vc entrega um dízimo gordinho você será sempre exaltado pela liderança da Igreja, seus tropeços serão sempre algo que mereçe todas as atenções do pastor, enquanto que, se vc pensa um pouco diferente e prefere ofertar ao invés de dizimar, de forma que sua contribuição fique anônima, aí meu irmão, o bicho pega pro seu lado…O pastor não liga mais, não está nem aí prá vc, se pinta uma crise você estará sozinho, pois na igreja você também vale o que demostra ter(através de sua contribuição é claro) Pequenas igrejas, grandes negócios, pequenas mentes grandes hipocrisia …
    Um abraço fraterno.

    Alves

  24. Meu querido amigo e pastor

    Li todo o texto no blog. Não consegui ver o filme, pois o sistema da CAIXA bloqueia o acesso.
    Bem sabemos que o “crentês” muito vezes atrapalha a divulgação da verdadeira fé, que muitas denominações e crentes pisam feio na bola, que temos muito a melhorar. Muitas vezes nós… eu piso feio na bola. Que maravilhoso poder contar sempre com o perdão de Deus!!!
    Preocupa-me, no entanto, até que ponto não estamos nos “conformando” tanto com o mundo que já não fazemos tanta diferença, mesmo se falarmos de perdão.
    Tenho pena de pessoas como a “heresia loira” desertora da fé evangélica apoiando-se em sua tese de “fé em si mesma” com base e justificativa no erro dos outros, é tipo aquela pessoa que nunca assume os erros se desculpando que tem uma herança maldita, seja familiar, seja por algum trauma… então tenta justificar todas as suas atitudes de forma determinista esquecendo que Deus deu livre arbítrio a toda criatura e cada uma responderá diante do Senhor por seus erros e acertos.
    Começamos essa semana na IMEAN um curso de Maturidade Cristã…….É caro amigo temos muito a aprender….que Deus tenha misericórdia de nós…

    Bjos

    Roseli

  25. Luciano,
    Obrigada por nos permitir ter acesso a mensagens tão libertadoras e reveladoras como essa.
    Que eu possa entende-la de tal maneira, que me permita viver a alegria desse evangelho pregado.
    Um abraço,
    Ruth Souto

  26. Pois é, Rev. Maia.

    Tenho visto muitos daqueles a quem tento evangelizar dizerem que não acreditam em Deus POR CAUSA DE ALGUM EVENTO, ou seja, passaram a não crer em razão de uma consequência, e não de uma causa.

    Entre esses eventos, o que ganha disparado é a imagem que fazem do crente. Confundem Cristianismo com Bíblia, igreja e religião.

    É por causa desses que temos sofrido cada vez mais por causa do Evangelho.

    Abraço,

    Jackson Wesley Valério

  27. Muito bom Luciano! Torço muito para que os "crentes" começem a ler a bíblia, pois parece que mal passam os olhos!

    Abraço
    Kleber Macedo

  28. REV MAIA SABE A IGREIJA VEM SENDO ABARROTADA DESSE CARAS COMO DISSE A MOÇA
    EU SOU CRISTAO E SEI O PESO DESSA CARA QUE NOS MSM MAQUIAMOS
    MAIS ACREDITO QUE TMB NAO PODEMOS DIZER QUE NADA É PECADO
    O QUE TEM ACONTECIDO EM MUITAS DE NOSSAS IGREIJAS
    TEM MUITA GENTE TMB DESCARAS QUE PREGAM QUE NADA E PECADO
    INGLUSIVEL DIA DESSE UM AMIGO ME DISSE SABE CARA JA QUE DEUS NAO FAZ ACEPÇAO DE NADA
    EU TER UM NAMORADO NAO VAI CONTRA ELE,AINDA DISSE TEM ATE UMA "IGREIJA PRA NOIS GAYS"
    QUERO COMPARTILHAR COM SENHOR QUE O PECADO AINDA EXISTE E QUE NAO PODEMOS DEIXAR DE FALAR QUE EXISTE
    MAIS NEM TUDO E PECADO AGUADO SUA RESPOSTA FICA COM DEUS UM ABRAÇO DO SEU
    IRMAO WANDERSON MOREIRA

  29. É Pr. Luciano.
    Ainda preciso aprender muito e exercitar ainda mais a minha fé.

    Abraços.

    Edivan da Silva

  30. REV MAIA
    Graça e Paz querido…
    eu tenho acompanhado o Senhor em varias mensagens e o Senhor tem sid uma bençao em minha vida,
    bom e concordo plenamente com o Senhor a resp do homosexual sei que DEUS ama o pecador mais abomina o pecado
    muito obrigado por ter me respondido
    uma pergunta o Senhor perguntou pra moça se ela queria aceitar a esse nosso JESUS que nos purifica, que nos lava e que nos amou de tal maneira que deu o seu unico filho para que todo aquele que nele crer nao perecesse mais que tivesse a vida eterna?
    bom REV tmb tenho amado e aprendido bastante no cafe com DEUS fica na Santa paz querido
    Wanderson

  31. Meu esposo (que não é muito fã de ler) encontrou seu blog e sugeriu que eu entrasse…
    ADOREI!!!!!
    Nossa, é tão bom quando nos deparamos com pensamentos semelhantes aos nossos, nos da uma sensação de unidade.
    Muitos crentes dizem que eu não sou crente. Mas sabe o que realmente me deixa feliz? È que as pessoas ditas “não crentes”, quando me conhecem dizem: Nossa, você transmite o amor de Deus de maneira tão simples!
    Diz se tem algo melhor que isso?
    Não tenho (e não faço questão de ter) banco cativo em igreja, mas amar o meu próximo (ao menos tentar) é o lema da minha vida!
    A igreja perdeu sua origem, o que levou meu Cristo ao calvário, é o que menos importa para os “crentes” hoje em dia…
    O Deus dos crentes é vingativo, rancoroso e ridiculamente mal humorado (Graças a Deus rsrs, que não é o meu Deus!), os “crentes” adquiriram certo convenio com o mal, tipo recebem alguma cota de quem chegará ao inferno, desculpe, mas só pode ser isso, se não for… O porquê de mandarem todo mundo para o inferno?
    Deus é amor puro, incondicional e genuíno, está é sem duvida a sua real natureza!
    Então porque pregar ou viver outra coisa se não o amor?!
    Adorei o artigo, ri muito com o paragrafo: ser uma mulher gostosa é pecado (muito bom, a logica é perfeita! Rsrs).

    Abraços…

    • Ana, estava lendo esses textos aqui, e o seu foi o que com mais me identifiquei. Gostaria de saber sua opinião sobre essa pergunta: “Deus castiga?”

  32. Rapaz, excelente! Li seu texto lá no Pavarini e vim aqui para comentar. De fato precisamos de mais discursos assim, que chame os cristãos à realidade. Parabéns pelo trabalho. Vou continuar espiando seu blog. É bom encontrar gente que fale a mesma língua, não é? 🙂

    Abraço.

  33. Maia,
    Achei mto interessante esse seu blog. Sou um "crente" à cerca de 20 anos (tenho 25 de idade) e muitas coisas na "religião" cristã me incomoda. Lembro q uma vez na aula vivi uma situação parecida. Uma colega ficou muito surpreendida qdo soube q eu era "crente", pq o esteriótipo que ela tinha era totalmente diferente.
    Eu entendo q a mensagem do Evangelho são as boas novas. Uma vez vi um pregador dizer: Se alguém diz q O SALÁRIO DO PECADO É A MORTE, alguém tem q dizer MAS O DOM GRATUITO DE DEUS É A VIDA ETERNA.
    Entendo também que essa é uma mensagem completa, que precisamos sim nos arrependermos do pecado, e dessa forma recebermos a Graça de Cristo.
    Os cristão tem focado muito o pecado e suas conseqüencias (concordo), mas não é baseado em nada… é baseado na Palavra. Concordo tb plenamente que falta focar (e viver) O PERDÃO, O AMOR, A SALVAÇÃO GRATUITA E A TRANSFORMAÇÃO DE VIDA.
    Grande abraço!
    Foi muito bom ler esse blog!
    Junior.

  34. REV. MAIA,

    Gostaria de agradecer o email recebido com muita alegria e preocupação, sou casado com a dona Gilsely
    que é Assistente Socia,trabalho no Tribunal de Justiça do Estado, sou Pastor da Metodista Wesleyana Rio Branco no Acre, e cuidamos de 10 igrejas, em
    nosso Distrito Sul, me chamou muita atenção o seu comentario e preguei nesta semana sobre a sua experencia para os pastores e pastoras do nosso,
    Distrito, passei por uma experiencia bem parecida em uma viagem, e por isso de ter me chamado tanta atenção, trabalhei em um setor no tribunal que,
    cuidava de muitos processos e um dia para minha surpresa peguei um processo de um Pastor que respondia por dividas, roubos e etc, ou seja muitas pessoas
    não acreditam mais em Pastor, no passado quando se falava em Pastor se tinha o maior respeito e temor, hoje as pessoas falam mal e desdenham como foi feito
    com você meu colega de Ministerio, enfim, passo para dizer que hoje a maior pregação do evangelho é o nosso testemunho e santidade, aqui no TJ/AC, tenho ganho
    juízes, procuradores, Desembargadores e funcionários, pregando sim o evangelho da salvação sem medo e com ousadia, e acima de tudo nunca esquecendo da
    simplicidade do evangelho, grato pelo email a mim destinado, deixo a você e sua esposa votos e um ministerio frutifero marcado pela presença do Deus de Israel, e desejo
    um ano repleto de acontecimentos sobrenaturais que irao marcar sua vida, familia e ministerio. (Salmo 37-4)

    Clevis Mustafá
    Pastor

  35. Achei seu blog por acaso,tentando uma resposta para acalentar meu coração,achei o você tem vocação para esposa de pastor?ADOREI,porque penso do mesmo jeito e só criticada,fiquei feliz por saber que não sou lelé kkkkkk
    Sou esposa de Pastor e creio em um Deus maravilhoso,que me contemplou em ser ajudadora.um abraço

  36. Pr. Luciano como eu agradeço a Deus por ter me guiado até o seu blog, pois eu tenho aprendido muuuito através dos teus artigos, que já foram usados por Deus pra esclarecer muitas duvidas q eu tinha!
    Admiro demais a tua visão em relação ao nosso Deus, ao cristianismo, é bem diferente de todas que já vi…
    Já usei muitas vezes as tuas palavras para explicar sobre o amor que Deus realmente tem por nós e foram muito bem aceitas.
    Que Deus te ilumine e continue sempre te abençoando com essa sabedoria incrível!
    Forte abraço!

    • OI Bruna,

      fico muito feliz em saber disto.

      É simples assim: Deus é perdão!

      Deus a abençoe muito em 2012 e que o Café com Deus continue sendo instrumento Dele em sua vida!

      Luciano Maia

  37. MEU DEUS É JEOVÁ E MEU MESTRE E MEU ÚNICO PASTOR É JESUS CRISTO FILHO DE DEUS ALTÍSSIMO, O BOM PASTOR DA A SUA VIDA PELAS SUAS OVELHAS COMO FEZ JESUS. QUAL O PASTOR QUE DARÁ A SUA VIDA A ALGUMA (S) OVELHAS AQUI NA TERRA? JESUS FOI O ÚNICO. SEI QUE EXISTE BONS PREGADORES, ORIENTADORES E SEGUIDORES DA PALAVRA DE DEUS.MAS NÃO PRA DAR A SUA PRÓPRIA VIDA POR NINGUÉM COMO JESUS O FEZ.

  38. “papo de crente” é chato pra caramba mesmo… uma vez eu estava indo pra casa e vi um velho completamente bebado que tinha caido de um barranco… a ambulancia ja estava la junto com a policia e tal… tinha uma “muvuca” no local e como nao tinha nenhum parente do velinho, precisava de alguem que acompanhasse o pobre homem dentro da ambulancia até o hospital. Eu só ouvia gente dizendo: “eu nao vou, ah eu tambem nao”… e no meio dessas pessoas que se recusavam a acompanhar o velinho, tinha até companheiros de bebida dele. Eu não o conhecia, mas me ofereci pra ir la, afinal eu não estava fazendo nada mesmo… Quando voltei fiquei surpreso porque uma “evangelica”(religiosa) veio me repreender. Ela me disse que eu fiz errado de acompanhar aquele homem porque eu não o conhecia… que ele estava bebado e se fosse por ela tinha morrido ali mesmo. e começou a falar da igreja dela(Assembleia de Deus). Pra mim, não fiz nada demais, nao fui nenhum herói, fui apenas um bom cidadão. Mas fiquei pensando, que será que essa mulher aprendeu nessa tal igreja que ela vai pra ter uma cabeça tão fechada assim? e ter um papo tão chato? Ainda ficou querendo me converter! TO FORA DESSA IGREJA!

    abraço

    • POis é Marcelo…. jesus nos ensina que o mais importante é o amor, daí a gente vê um monte de religiosos (evangélicos ou não) que estão mais preocupados com a “lei de deus” do que ocm o “amor de Deus”…

  39. Infelizmente muitos olham assim as Igrejas,mas não procuram conhecê-las. As transformações que podem acontecer são tremendas com Deus

  40. Seu texto descreve exatamente o que “crente que abafa”. Não estou em nenhuma denominação. Cara mudei por completo depois que conheci, realmente, o Jesus Cristo maravilhoso. Sou feliz com Jesus, o meu Rei é a minha luz. Compreendi que não posso viver das experiências alheias, preciso ter a minha experiência com o Deus de amor.

  41. Crentes em geral se tornam chatos mesmo, pq são insistentes, soberbos, preconceituosos, intolerantes. Evangélicos vivem em guerra contra os católicos,que geralmente não simpatizam tb com os evangélicos. Igrejas, o que mais buscam é expansão, poder, dinheiro. Crente bonzinho é aquele que ocupa o seu espaço, sem querer invadir o espaço alheio. Obs.: crentes ou não, todos temos as nossas dores, lutas, alegrias, devemos trabalhar e cumprir as leis. Não existe oração forte, nem corrente, nem “óleo ungido” contra a morte. Existe?

    • Olá Sérgio,

      a grande questão é que “nem todos os profetas se dobraram a Baal…”

      Existe uma parte da cristandade não-católica contemporânea que está mais preocupada em viver o Evangelho cotidianamente do que em pregar suas religiões e doutrinas esquizofrênicas.

      Minha pregação é mostrar que paz com Deus começa na paz com os outros.

  42. O que Lutero faria, se ele estivesse, aqui, entre nós, hoje? Será que reagiria exatamente contra os evangélicos, que tiveram a sua origem nos protestos desse honrado revolucionário? As indulgências pagas formam hoje um volume muito maior (as gordas ofertas que grande parte dos líderes religiosos extorquem de seus ingênuos fieis).
    Lutero se endoideceria?
    Sofreria um ataque e faleceria?
    Ou Lutero se suicidaria?

    • Meu amigo, não sei responder.
      Contudo, é consenso que parte da religiosidade contemporânea evangélica está absolutamente medieval… Completamente anti-luterana e convertendo as indulgências católicas coisa de amador…

  43. Ah Pastor Luciano, se todos os pastores fossem que nem o senhor, a religião evangélica seria tão querida por todos! Amei amei amei esse post, sua visão linda de Deus e do pecado! Eu fui criada no catolicismo e aos 10 anos, fui convidada pela freira catequista a me retirar do catecismo por… contestar a igreja! Eu amava os ritos e era uma das alunas mais aplicadas, mas bastou eu contestar uma coisinha, eu já não servia. Essa experiência, e o contato com os crentes que o senhor menciona, me fizeram criar certa resistência às pessoas “de religião”. O Deus que meus pais me ensinaram a amar não podia ser um Deus que me proibisse de ser feliz, de me sentir livre. O Deus que eu aprendi a amar é um Deus bondoso, compreensivo e pronto para receber Seus filhos em seus braços. Um Deus que a maioria dos crentes que eu conheço, parecem não conhecer, o qual descrevem como um tirano cruel e egoísta e vaidoso. Por isso é sempre uma delícia ler seus textos, sobre um Deus de verdade e uma religião como deveria ser: acolhedora, não julgadora.

    • Olá Ruth (posso te chamar assim?),

      Obrigado pelo seu comentário tão sensato, equilibrado e coerente.
      Fico apenas triste por ver que os religiosos tiveram o poder de ser um empecilho para sua linda relação com Deus.

      Forte abraço e fique na paz do nosso querido e bondoso papai do céu!

  44. Olá , pastor, gostei muito do seu texto, não sou evangelica, sou catolica, mas pude ver com clareza o que esta acontecendo com as religiões deste mundo, não só a evangelica,como cita seu texto, mas todas as religiões em geral, acho que deus é unico, e não devemos exercer qualquer tipo de opressão , chantagem, emocional, ameaças e tal em nome de jesus. acho sim que o pecado existe, e não podemos fingir que ele não existe , o que devemos como filhos de deus que somos ,é amar uns aos outros sem preconceito .respeitar o ser humano como um todo , na sua essencia, não criar medo, terror, jesus nos ama por inteiro, por completo , ele é amor ,paz vida, renascimento, esperança, força. aceitação, respeito,tolerancia,entrega. ele nos ama. don jeito que somos. e jamais devemos enxerga-lo como vingativo e tal…

  45. Acho que o que esta faltando neste mundo é o respeito entre os seres humanos , o respeito entre todas as religioes, todas! respeito entre todas as raças , todas as crenças, todas as formas, de viver, enfim! o ser humano é livre! e por ser livre deve -se respeitar sua forma de viver, suas escolhas ,sendo elas certas ou não aos nossos olhos, o julgamento faz de nos seres humanos, seres medonhos, surreais. aff!

  46. Eu sou evangélica à 12 anos,mas as vezes fico tão decepcionada com a igreja,vejo muita falsidade,muitos grupinhos excluindo outros,eu participava do grupo das irmãs,mais tinha mais brigas que união,então resolvi sair do grupo,as vezes a gente vai esperando uma palavra de Deus e só ouve filosofia do homem ,é muito triste….

    • Célia,

      não desista de viver em comunhão com os irmãos na fé. Se nesta igreja não deu certo,certamente vc encontrará algum grupo cristão no qual vc se encaixe bem e onde vc encontre união verdadeira.

      A vida em comunidade é muito importante para o crescimento pessoal.

      Desejo paz!

  47. Deixei de ir a igreja faz 1 ano no dia 24 de Dezembro. Meu pai teve inicio de um AVC, foi ai que deixei de frequentar a igreja para ficar com ele todas as noite e cuidar dele, mas ai os irmão da igreja me abandonaram pensam que eu não sou mais evangélica. Gente sou crente sim ainda.

    • Cara irmã Welka,

      Deus conhece seu coração. Fique em paz que Ele está com você. Convide os irmãos para fazerem um culto mensal em sua casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website